Portal da Cidade Umuarama

Cultura

Peça teatral on-line aborda bullying, racismo e preconceito no próximo domingo

A Fundação Cultural de Umuarama apoia e divulga a peça musicada, que será apresentada de forma on-line em uma live

Postado em 04/08/2021 às 21:19 |

Por ser apresentada no formato digital, a peça musicada “A Vida de Ben” deve atingir grande público, destacando que é inteiramente gratuita (Foto: Reprodução)

O espetáculo “A Vida de Ben” tem como foco central conscientizar jovens e adolescentes sobre os graves danos que o bullying pode causar em crianças e adolescentes. E a Fundação Cultural de Umuarama apoia e divulga a peça musicada, que será apresentada de forma on-line em uma live que vai ao ar no próximo domingo (8), com nova encenação no sábado seguinte (14), sempre às 16h.

Roberta Melo, autora da obra, relata que buscou abordar o bullying e expor os traumas e marcas psicológicas nas vidas dos quatro personagens: Ben, um adolescente muito tímido, que é perseguido por Catinha, Gus e Tony, simplesmente por ter cabelos compridos. “Ao desenrolar da história, descobre-se que todos aqueles que praticam o bullying, sofrem ou sofreram algum problema pessoal. Todas as histórias representadas retratam um cenário de insegurança e em como estes adolescentes se posicionarão no mundo futuramente”, detalha.

Uma marca da D’color Produções Culturais, de Campinas (SP), é a questão do trabalho pela inclusão, que converteu-se na missão da trupe, que tem cidadãos inclusivos como anões, LGBTQI+, afrodescendentes, pessoas com deficiência (PCD), pessoas portadoras de deficiência (PPD) ou portadores de necessidades especiais (PNE). “Acreditamos que inclusão não é apenas falarmos sobre deficiências e dificuldades, mas sim incluí-los num contexto geral, mostrando que somos todos iguais”, pontua o figurinista André Martins, responsável pelo cenário e que assina ainda a direção da peça com Roberta Melo.

Por ser apresentada no formato digital, a peça musicada “A Vida de Ben” deve atingir grande público, destacando que é inteiramente gratuita. Para assistir à peça basta acessar os links do canal do Youtube. Para o dia 08/08: clique aqui e para o dia 14/08: veja aqui.

Fonte:

Receba as notícias de Umuarama no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Outras notícias