Portal da Cidade Umuarama

investigação

Secretário de esportes de Assis Chateaubriand foi morto por ciúmes

Gilvane descobriu a traição da esposa após ver mensagens no celular da mulher, trocadas por uma rede social com Elder

Postado em 09/07/2018 às 18:30 |

Gilvane será indiciado por homicídio qualificado, além de duas lesões corporais, contra duas crianças que estavam no ginásio e também foram atingidas pela caminhonete (Foto: Divulgação )

A morte do secretário de Esportes de Assis Chateaubriand, Elder Franzoi Coutinho, de 29 anos, foi motivada por ciúmes A informação foi confirmada pelo delegado Tiago da Silva Teixeira, responsável pelo caso.

O crime ocorreu na quinta-feira (5), quando Elder chegava para trabalhar na secretária de Esportes, que fica no Ginásio Tancredo Neves, no Jardim Progresso. Ele foi atropelado pela caminhonete conduzida por Gilvane Banzanella Lulu, de 34 anos. O suspeito segue detido na Delegacia de Polícia Civil de Assis.

Segundo o delegado, Gilvane descobriu a traição da esposa após ver mensagens no celular da mulher, trocadas por uma rede social com Elder "Em depoimento a mulher confirmou que teve um relacionamento extraconjugal com o secretário, e que o marido descobriu a traição na terça-feira (3), antes do acidente. Mas ela acreditava que a situação estava controlada entre o casal, não imaginava que isso poderia acontecer", comentou Silva.

O delegado afirmou que sete testemunhas já foram ouvidas sobre o caso e o inquérito deve ser concluído até o fim desta semana, sendo encaminhado ao Ministério Público.

Gilvane será indiciado por homicídio qualificado, além de duas lesões corporais, contra duas crianças que estavam no ginásio e também foram atingidas pela caminhonete. As duas vítimas foram encaminhadas ao hospital sem risco de morte.

Fonte:

Deixe seu comentário