Portal da Cidade Umuarama

túmulo

Concluído o primeiro bloco de gavetas do Cemitério Municipal de Umuarama

Objetivo é aumentar os espaços para as famílias que precisam sepultar entes queridos

Postado em 13/05/2019 às 17:58 |

Gavetário facilita a manutenção e limpeza dos túmulos (Foto: Tiago Boeing)

A Administração de Cemitérios e Serviços Funerários (Acesf) concluiu nos últimos dias a primeira etapa de um grande investimento. Está em construção um moderno gavetário em pré-moldado no cemitério, orçado em R$ 569 mil, que terá oito blocos – cada um com 60 gavetas. O objetivo é aumentar os espaços para as famílias que precisam sepultar entes queridos em Umuarama. Finalizadas todas as etapas, o gavetário disponibilizará espaço para 480 sepultamentos.

A primeira etapa já foi concluída e os operários iniciaram a construção do segundo bloco de gavetas, que utilizam placas de concreto pré-moldadas para estruturar a edificação. “A empresa contratada para o serviço trabalha nas fundações e contrapiso do segundo bloco. A obra inclui calçamento em paver, sistema de tratamento de gases e acabamento com placas de granito em cor verde ubatuba”, explicou o diretor da Acesf, Alexandre Gobbo Maroto.

Autorizado pelo prefeito Celso Pozzobom, o investimento é de R$ 569 mil em recursos próprios. O diretor aponta as vantagens do sistema, em comparação com os túmulos tradicionais. “No gavetário não será necessário manutenção ou limpeza por parte das famílias, nem revestimento cerâmico, em mármore ou granito, como ocorre nos túmulos. Todas as gavetas terão o mesmo acabamento. Aqueles que adquirirem as gavetas terão de seguir algumas regras como, por exemplo, não acender velas, não colocar vasos de flores e não alterar o acabamento da tampa de granito. As placas com informações serão padronizados”, explicou Maroto.

A implantação segue todas as normais ambientais e de segurança. Além disso, o cemitério vem recebendo diversos investimentos nos últimos anos, como construção de galerias pluviais, combate a erosão, plantio de grama na faixa lateral aos muros, paisagismo, plantio de árvores e arbustos, reforma do cruzeiro e construção de palco para celebrações, tubulação de esgoto, cruzeiros nos cemitérios dos distritos, pintura das capelas mortuárias, mapeamento e levantamento topográfico georreferenciado do cemitério e instalação de 120 postes com a identificação das 37 quadras. A Acesf também adquiriu um caminhão Ford 816 para transporte de entulho, lixo e placas de concreto e construiu duas capelas mortuárias nos distritos de Lovat e Serra dos Dourados.


Fonte:

Deixe seu comentário