Portal da Cidade Umuarama

SAÚDE

Semana de luta contra Aids terá atividades no Batalhão da PM

Até 30 de novembro também haverá atividades nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município

Postado em 28/11/2018 às 09:30 |

A testagem rápida é gratuita e permite ao interessado identificar a presença de DST's (Foto: Tiago Boeing)

A campanha preparada pela Secretaria Municipal da Saúde, por meio do Ambulatório de Infectologia do município, para o Dia Mundial de Luta contra a Aids (1º/12), chega nesta quinta-feira, 29, ao 25º Batalhão da Polícia Militar, que terá uma palestra com o médico infectologista Ricardo Perci, além de testagem rápida para os integrantes da corporação. As atividades acontecem entre as 8h e 11h.

A testagem rápida é gratuita e permite ao interessado identificar a presença de vírus e doenças como sífilis, HIV/Aids, hepatites e infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Após uma coleta de sangue, o resultado é liberado em cerca de 30 minutos. A programação foi aberta na segunda-feira, 26, com palestras de orientação e testagem rápida de usuários da Agência do Trabalhador. Foram realizados 168 testes.

Nesta terça, 27, as orientações e testagem rápida foram oferecidas aos usuários do Centro Pop (Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua) durante o dia todo, no Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA). Na quinta é a vez da Polícia Militar e na sexta-feira, 30, das 8h às 11h, haverá o encerramento das atividades do Projeto Sexualidade na Escola, com a feira de prevenção de HIV/ Aids e ISTs com alunos do Colégio Estadual Pedro II.

Até 30 de novembro também haverá atividades nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município, organizadas pelas próprias equipes e no dia 7 de dezembro (sexta-feira), “Dia D” da campanha, a concentração será na Praça Miguel Rossafa, com orientações, panfletagem e testagem rápida (pela manhã) para a população em geral. As atividades serão realizadas das 8h às 11h e das 13h30 às 16h.

“As orientações tratam de cuidados, prevenção e tratamento das diferentes infecções transmitidas sexualmente, bem como a importância do teste rápido para a pessoa descobrir se tem ou não alguma dessas doenças. A descoberta precoce aumenta as condições de sucesso no tratamento”, explicou a assistente social do Centro de Testagem e Aconselhamento, Maria de Lourdes Gianini. Mais informações no Ambulatório de Infectologia da Secretaria Municipal de Saúde (Av. Rio Branco nº 4488) ou pelos fones (44) 3906-1033 ou 98457-1044.


 

Fonte:

Deixe seu comentário