Portal da Cidade Umuarama

“Não Passe Sufoco”

Orientação sobre engasgo de criança será reforçada nas redes sociais em Umuarama

Veja na reportagem as orientações para ministrar os primeiros socorros para crianças vítimas de engasgo

Postado em 04/08/2020 às 10:41

Em caso de engasgo, a primeira orientação é manter a calma para realizar as manobras da forma correta e com segurança (Foto: Prefeitura Municipal de Umuarama)

Orientações simples que podem salvar vidas, e têm salvo, são levadas à comunidade por meio da campanha “Não Passe Sufoco”, realizada anualmente em Umuarama no mês de agosto. A ação conta com a participação da Prefeitura, Secretaria Municipal de Saúde, Corpo de Bombeiros e Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), com apoio da Rádio Inconfidência FM 99,7 e outros parceiros.

Diferente de períodos anteriores, por conta da pandemia de coronavírus não haverá eventos públicos da campanha neste ano. As ações serão divulgadas por meio da mídia e redes sociais. A secretária municipal de Saúde, Cecília Cividini, explica que o foco central é divulgar as técnicas de socorro para desengasgo das crianças. Essas orientações são repassadas o ano todo, durante as consultas de pré-natal com as futuras mamães e nos primeiros meses de vida das crianças. Agosto é o mês de referência para uma divulgação mais maciça.

“Conhecer e dominar as técnicas pode fazer a diferença no salvamento de uma criança engasgada. As manobras devem ser iniciadas assim que a situação é percebida, com todo cuidado, enquanto outra pessoa aciona o socorro especializado do Samu ou Corpo de Bombeiros”, orientou a secretária. É importante conhecer os procedimentos para não levar mais perigo à criança.

Nos primeiros anos da campanha, foram realizados diversos treinamentos com profissionais da área de saúde, dos bombeiros e do Samu, disseminando as manobras entre lideranças da população para que o conhecimento seja replicado.

Neste ano, porém, não haverá treinamentos presenciais. A campanha será realizada por meio de ilustrações, imagens e vídeos, além de publicações nas redes sociais da Prefeitura e na mídia, com o apoio dos órgãos de imprensa.

Como agir

Em caso de engasgo, a primeira orientação é manter a calma para realizar as manobras da forma correta e com segurança. Ligue ou peça para alguém ligar imediatamente para o Samu (fone 192) e informe seu endereço (rua, número da casa, bairro e cidade). 

Não tente retirar o objeto da garganta do bebê, pois você poderá empurrá-lo ainda mais fundo. Com os dedos indicador e médio segure a boca da criança aberta. Coloque-a deitada de barriga para baixo sobre o seu antebraço, apoiado sobre a coxa, com a cabeça mais baixa que o corpo. Dê cinco tapas com a base da mão entre os ombros, no meio das costas do bebê, com um pouco de força, mas sem machucá-lo, para desalojar o objeto preso na via respiratória.

Em seguida vire o bebê de costas sobre o outro antebraço, apoiado na coxa, e faça cinco compressões com dois dedos no meio do peito, entre os mamilos. Cada compreensão deve ter dois a três dedos de profundidade.

Em seguida olhe para o bebê e caso ele continue engasgado, repita os passos. Se ele chorar, vomitar ou tossir, é sinal de que desengasgou e sua cor voltará ao normal. Mesmo assim, aguarde a chegada do Samu.

Fonte:

Receba as notícias de Umuarama no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Mais Lidas