Portal da Cidade Umuarama

Coronavírus

Umuarama manterá medidas preventivas mesmo após declarações de Bolsonaro

“Fique em casa e reforce as medidas de higiene. Pense na saúde da sua família em primeiro”, destaca comunicado da Prefeitura Municipal de Umuarama

Postado em 25/03/2020 às 11:16 |

Organizações afirmaram que discurso do presidente é um risco no combate à doença, que tem mais de 2 mil casos no Brasil e é causada pelo novo coronavírus (Foto: Adriano Machado / Reuters)

A Prefeitura Municipal de Umuarama informou nesta quarta-feira (25) que, apesar das recomendações feitas em pronunciamento presidencial, os decretos do Executivo Municipal com medidas para o enfrentamento do avanço do coronavírus continuam valendo em Umuarama.

Na fala, veiculada em rede nacional, nesta terça-feira (24), o presidente chamou a doença de "resfriadinho", contrariou especialistas e pediu o fim do "confinamento em massa". Ele também fez um apelo pela "volta à normalidade" e culpou a imprensa por "espalhar pavor".

O comércio, indústria e prestação de serviços devem continuar parados em Umuarama até a publicação do novo decreto – com exceção de setores considerados essenciais, como farmácias, supermercados, padarias, açougues, oficinas mecânicas, postos de combustível, fornecedores de água e gás, serviços funerários e indústrias que produzem matéria-prima para serviços essenciais.

A determinação de suspender o atendimento direto ao público, evitar aglomerações e reforçar as medidas preventivas de distanciamento e higienização, nos casos de exceção, deve ser observada. A Prefeitura Municipal vai manter a fiscalização nas ruas e os infratores estão sujeitos às penalidades.

“Fique em casa e reforce as medidas de higiene. Pense na saúde da sua família em primeiro”, conclui comunicado do município.


Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas