Portal da Cidade Umuarama

Avanço

Parque Tecnológico de Umuarama é certificado pelo Governo do Estado

Intuito é criar ecossistemas para empresas e instituições de pesquisa compartilharem conhecimento, equipamentos e recursos

Postado em 16/10/2019 às 16:52 |

Kenny Gonçalves (Observatório Social), Orlando Santos (Aciu), Celso Pozzobom (prefeito), Miguel Romero (Aciu), Daniel Couto (NTI) (Foto: Divulgação)

O governador Carlos Massa Ratinho Junior entregou na terça-feira (15) os certificados de credenciamento provisório para 18 parques tecnológicos do Paraná, entre eles o Parque Tecnológico de Umuarama, que tem por finalidades fornecer soluções científicas inovadoras e competitivas, que contribuam para o desenvolvimento do setor produtivo, visando o progresso e o bem-estar da sociedade.

“O nosso parque objetiva ainda promover a pesquisa e o desenvolvendo de projetos e programas em conjunto com empresas, instituições de ensino e instituições de fomento a empresas, apoiando novos empreendimentos cuja estratégia competitiva fundamenta-se na inovação tecnológica”, lembrou o prefeito Celso Pozzobom, ao receber o certificado das mãos do governador na capital do Estado, na terça-feira, ao lado do secretário de Indústria, Comércio e Turismo, Douglas Bácaro e de empresários e representantes de entidades de classe da Capital da Amizade.

Com o apoio aos parques, o governo espera estimular a criação de ecossistemas mais unificados e sofisticados para empresas, incubadoras e instituições de pesquisa compartilharem conhecimento, equipamentos e recursos. A partir desse credenciamento, eles também poderão acessar recursos estaduais. A entrega das certificações aconteceu na abertura da Semana Paraná Inovador, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Ratinho Júnior afirmou que a administração estadual precisa unir a produção científica das universidades (estaduais e privadas), as estruturas municipais e o setor privado para gerar soluções eficientes e inovadoras nas áreas de educação, saúde, turismo e agronegócio, entre outras. “O Paraná passar a ter um ecossistema de novas tecnologias. Já temos cidades polo como Curitiba, Pato Branco, Londrina e Guarapuava apostando nessa iniciativa. Outras cidades têm atraído jovens e empresas. O Paraná precisa estar antenado ao que o mundo vem fazendo”, explicou.

A comissão de credenciamento realizou visitas a fim de identificar o potencial das iniciativas de se tornarem parques tecnológicos, de forma a valorizar e fortalecer o ecossistema de inovação do Paraná. Agora o Estado passa a concentrar, de maneira organizada, metade dos parques tecnológicos do Sul – 18 de 37. O certificado de credenciamento provisório tem um prazo de validade de dois anos. O credenciamento foi realizado pelo Sistema Estadual de Parques Tecnológicos do Paraná (Separtec), que congrega 40 entidades sob a coordenação conjunta da Superintendência de Ciência e Tecnologia e da Secretaria da Fazenda.

 Comitiva de Umuarama durante entrega de certificados de credenciamento provisório para parques tecnológicos

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas