Portal da Cidade Umuarama

Trânsito

Preso homem suspeito de atirar em médico durante desentendimento em Umuarama

Vítima estava com seu filho de quatro anos dentro de um veículo na Avenida Ângelo Moreira da Fonseca. Tiro atingiu porta do carro

Postado em 02/12/2019 às 15:42 |

Porta esquerda do veículo do médico atingida por tiro disparado por homem durante desentendimento no trânsito de Umuarama (Foto: Polícia Civil)

Um desentendimento no trânsito tornou-se uma tentativa de homicídio nesta segunda-feira (02) em Umuarama. O desfecho do caso ocorreu com a prisão do suspeito de atirar, que foi feita por agentes da 7ª Subdivisão Policial de Umuarama (7ª SDP).

A ocorrência foi registrada inicialmente pela Polícia Militar, que foi abordada por um médico na Avenida Parigot de Souza, nas proximidades do Cemitério Municipal. Aos policiais, o profissional de saúde disse que estava fugindo com seu filho, uma criança de quatro anos, de um atirador.

Segundo a vítima, ela trafegava pela Avenida Ângelo Moreira da Fonseca quando um carro se aproximou e seu motorista ficou o encarando. O médico teria questionado o motorista sobre a sua atitude e ele então passou a ofendê-lo e a efetuar disparos com arma de fogo.

A ocorrência foi registrada inicialmente pela Polícia Militar, que foi abordada pelo médico na Avenida Parigot de Souza

Conforme o delegado chefe da 7ª SDP, Osnildo Leme, foram ao menos quatro tiros, sendo que um deles atingiu a porta esquerda do carro do médico. Após os tiros, a vítima fugiu em direção ao Centro, encontrando a PM na Avenida Parigot de Souza. Nenhum dos tiros atingiu o médico ou seu filho.

Assim que o médico registrou Boletim de Ocorrência, a Polícia Civil começou a investigar o caso e ainda na tarde desta segunda divulgou a prisão de Gilson Danilo Mendonça Pinto, de 31 anos. Segundo o delegado Osnildo Lemes, ele é acusado de efetuar os tiros contra o carro do médico. Com o suspeito a polícia encontrou um revólver que pode ter sido usado para realizar os disparos.

“Em seus antecedentes criminais constam um crime de ameaça. Ele foi autuado em flagrante delito por tentativa de homicídio e posse ilegal de arma de fogo, e encontra-se preso e recolhido na Cadeia de Umuarama à disposição da Justiça”, concluiu o delegado.

 Com o suspeito a Polícia Civil apreendeu um revólver que pode ter sido utilizado para efetuar os disparos contra o carro do médico

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas