Portal da Cidade Umuarama

luz pulsada

Esteticista explica as principais dúvidas sobre fotodepilação na adolescência

A fotodepilação na adolescência é uma questão polêmica; segundo a especialista Bárbara Balam é possível realizar o procedimento de forma segura

Postado em 23/08/2019 às 11:00 |

A esteticista Bárbara Balam é especialista em estética corporal e facial (Foto: Portal da Cidade Umuarama)

(Especial Publicitário)

Cada vez mais, adolescentes se desenvolvem apropriando os procedimentos estéticos utilizados apenas por adultos. E a depilação na adolescência tende a ser um tanto quanto polêmica, pois, com a puberdade, os pelos são inevitáveis.  

Como se não bastasse, as questões comportamentais e de autoestima influenciam diretamente no bem estar, fazendo que adolescentes almejem um pele lisinha e macia. A esteticista Bárbara Balam explica e tira algumas dúvidas comuns sobre o assunto. 

Existe uma hora certa para começar a depilação?

Mais ou menos ao 10 anos é quando o corpo começa a apresentar as mudanças. Aos 12, quando a adolescência é de fato iniciada, os pelos se tornam aparentes para a maioria de meninas e meninos. Para os meninos, os pelos demoram para ser um incômodo, normalmente, isso acontece apenas com os primeiros sinais de barba. Já para as meninas, as axilas, meia-perna e outras áreas já serão um incômodo.

Por isso, quando os pelos são um problema na vida do adolescente, chegou a hora de começar a depilar.

Não existe uma idade correta, hora certa ou momento mais adequado para iniciar a depilação na adolescência. É importante respeitar o corpo nessa fase, mas entender as questões pessoais são primordiais, pois elas interferem no bem-estar, autoestima e até confiança do adolescente

Assim como a depilação para adultos, é importante observar as características individuais da pele e do pelo para obter o melhor resultado. No entanto, a depilação com luz pulsada tem sido muito procurada por esse público, já que é considerada indolor pela maioria das pessoas que utilizam o método e o medo da dor é um dos bloqueios das adolescentes.

Como funciona a Luz Intensa Pulsada?

A técnica da Luz Intensa Pulsada Lyra usa a fotodepilação, na qual o aparelho emite uma radiação luminosa na pele, que é captada pela melanina dos pelos e transformada em calor. Com isso há o enfraquecimento da penugem e sua consequente eliminação de forma eficiente e duradoura. Nos tratamentos para a pele, o aparelho estimula a produção de colágeno e os vasos sanguíneos.

Quantas sessões são necessárias para se obter resultado?

São necessárias cerca de 10 sessões de fotodepilação para que haja uma redução significativa dos pelos, no entanto já é possível ver os resultados três semanas após a primeira sessão. Recomenda-se um intervalo de aproximadamente um mês entre uma sessão e outra.

Quem deve evitar o tratamento com a luz intensa pulsada?

Pessoas que estejam em tratamento com remédios como o Roucatan, corticoides, anticoagulantes ou medicamentos fotossensibilizantes devem evitar a LIP Lyra. Também não é recomendada a realização em pessoas que estejam com a pele bronzeada, que possuam pelos brancos na região desejada à aplicação, bem como pessoas que estejam com a pele lesionada ou com sinais de infecção. Grávidas, lactantes, pessoas com vitiligo e outras doença autoimunes que aumentem a fotossensibilidade da pele também devem evitar o tratamento.

No Espaço Bárbara Balam o procedimento é realizado pela profissional habilitada, que é capacitada para aplicar a luz pulsada de forma segura. Para saber mais sobre combos e pacotes, entre em contato via WhatsApp e agende uma avaliação

Bárbara Balam - Esteticista

Avenida Getúlio Vargas, 5488 - Zona I
(44) 3055-3755 | (44) 98464-6111
Facebook | Instagram | WhatsApp


Qual sua especialidade?  

Publique seu conteúdo aqui na editoria Papo de Especialista do Portal da Cidade.
Ligue (44) 3056-5231 ou fale conosco pelo WhatsApp (44) 99910-0138  


Todas as informações e opiniões contidas neste artigo, seja em texto ou em vídeo, são de total responsabilidade de seus autores e não expressam, necessariamente, as posições do Portal da Cidade.  


Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas