Portal da Cidade Umuarama

Emprego

Curso de Veterinária da Unipar comemora altos índices de empregabilidade

Em 23 anos de história, graduação formou mais de oitocentos profissionais

Postado em 29/04/2019 às 10:36 |

Médica Veterinária Maria Augusta Bondezan: qualidade do curso da Unipar contribuiu na conquista do primeiro emprego (Foto: Unipar)

A coordenação e os professores do curso de Medicina Veterinária da Universidade Paranaense, Unidade de Umuarama, têm muito a comemorar. Afinal, são 23 anos de história [tempo em que formou 873 profissionais], respaldados na preocupação de sempre oferecer ensino de qualidade. O resultado disso? Um alto índice de empregabilidade dos ex-alunos do curso. 

E essa qualidade da graduação, aliada à dedicação nos estudos, persistência e vontade de crescer dos estudantes, faz com que muitos deles já comecem a trabalhar logo após a formação acadêmica. É o caso da médica veterinária Maria Augusta Bondezan. Formada no ano passado, é a mais nova contratada da empresa Bello Alimentos, de Itaquiraí (MS), onde atua como trainee do setor de Garantia de Qualidade. 

“É uma conquista muito grande, principalmente por ter a oportunidade de conhecer a empresa e adquirir experiência, sendo o requisito fundamental para quem está entrando no mercado de trabalho”, conta a profissional, ressaltando que a qualidade do curso da Unipar foi de extrema importância nessa conquista. 

“A Universidade, com seu excelente corpo docente e sua infraestrutura, me ofereceu todos os instrumentos necessários para hoje estar atuando com competência na área em que me formei. Por tudo isso, tenho orgulho em dizer que fiz parte dessa grande Instituição”. Morando também em Mato Grosso do Sul, na cidade de Sinop, o colega de turma Pedro Teles é outro que está feliz com a escolha da profissão. Assim que abraçou o diploma, conseguiu trabalho na empresa Prontovet, onde atua na área clínica e de cirurgia. 

“Conquistei uma segurança financeira e a chance de não perder tempo em adquirir mais conhecimentos, práticos e teóricos”, afirma o médico veterinário, que também faz questão de elogiar o ensino que recebeu durante sua trajetória acadêmica. “Os professores da Unipar estão sempre empenhados e comprometidos com a qualidade de aprendizagem do aluno, isso foi essencial para minha formação”.

Para a coordenadora da graduação, professora Rosiara Maziero, “essa oportunidade conquistada por nossos alunos logo após a formação só vem reafirmar o nosso comprometimento em fornecer um conteúdo teórico e prático de excelência”, diz. “O importante, para nós, é que o curso de Medicina Veterinária da Unipar permita que o profissional chegue ao mercado de trabalho bem preparado e, posteriormente, que obtenha sucesso na carreira”, orgulha-se.

Juntos com os médicos-veterinários Pedro Teles e Maria Augusta, também já entraram no mercado de trabalho os recém-formados Lucas Reati, Gabriela Rocha, Gabriela Tormena, Bruna Laginestra, Lennyn Cano e Paulo Sposito. Além deles, também estão comemorando uma grande conquista na nova etapa da vida profissional mais onze colegas de turma, aprovados em programas de residência e de mestrado e doutorado.  

Hospital Veterinário

A palavra excelência cabe muito bem entre os adjetivos usados para definir a qualidade do curso de Medicina Veterinária da Unipar, implantado em 1996. Nessas mais de duas décadas, a preocupação constante dos gestores da Instituição foi o de sempre investir em laboratórios e outros recursos para acompanhar a evolução da ciência e das técnicas da Medicina Veterinária.

Com mais de cinco mil metros quadrados de área construída e considerado um dos maiores e mais bem aparelhados do Paraná, o Hospital Veterinário é um notório exemplo disso. Localizado no Câmpus II (Câmpus Cruzeiro), numa área de 50 hectares, tem uma infraestrutura que reúne aparelhos de última geração em radiodiagnóstico e cirurgia, distribuídos em clínicas e laboratórios amplos e modernos. Amparado pela estrutura pedagógica da graduação, as ações do HV são direcionadas para aulas práticas e atividades de pesquisa e extensão.

Fonte:

Deixe seu comentário