Portal da Cidade Umuarama

Educação

Jornada de estudos comemora os 30 anos do curso de Psicologia da Unipar

A 21ª Jornada de Psicologia (JOP) da Universidade Paranaense comemorou a data e reuniu professores, profissionais e estudantes

Postado em 13/09/2019 às 11:23 |

Professoras Danielle e Clarice: ensino, pesquisa e extensão colocam o curso entre os mais bem estruturados do Estado. (Foto: DIVULGAÇÃO UNIPAR)

Atualização de conhecimentos e integração entre as turmas foram os objetivos que guiaram a 21ª Jornada de Psicologia (JOP) da Universidade Paranaense, Unidade de Umuarama. O evento comemorou os 30 anos do curso de Psicologia. Com palestrantes de alto nível, foram oferecidas conferências, debates, minicursos e Noite Cultural, que reuniram professores e profissionais, além de estudantes, para discussão de temas relevantes da área.

Entraram na pauta depressão, suicídio, drogas, aborto, autismo e outros assuntos relacionados à saúde mental. Em mesa-redonda foi debatido o tema ‘Suicídio: algumas aproximações com a Psicologia’, com a psicóloga e coordenadora regional do projeto ABPMC Comunidade, Simone Martins Oliani, e com o professor em Psicologia do Centro Universitário Cidade Verde, Paulo Vitor Palma.

Em seguida, a professora especialista em psicologia comportamental e sistêmica e cofundadora do Ceges (Centro de Excelência em Gêneros e Sexualidades), Sandra Regina Fergutz, ministrou a conferência ‘Sexo, drogas e Rock'n roll: o que a Psicologia tem a ver com isso?’. Ao abrir o evento, a coordenadora do curso, professora Clarice Catelan, falou das conquistas da graduação.

O curso já formou cerca de 1.500 profissionais. “Estamos muito felizes pela oportunidade de comemorar tão expressivo número”, exclama. E acrescenta: “Reunindo alunos de várias cidades do Paraná, a graduação de Psicologia da Unipar segue forte, consolidada, destacando-se entre as mais bem conceituadas no Estado; estas três décadas estão tendo comemoração merecida!”.

A professora Danielle Barreto também diz estar muito feliz por participar deste momento. Ela coordenou o curso durante 13 anos [de 2005 a 2018]. Atualmente coordena o projeto de extensão CPA (Centro de Psicologia Aplicada), que presta atendimento psicoterapêutico a centenas de pessoas de Umuarama e região. “O CPA é um importante canal de interação entre Unipar e a comunidade, o que significa dizer que colabora substancialmente para engrandecer a qualidade do nosso curso”, exalta.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas