Portal da Cidade Umuarama

novidade

Primeiro colégio estadual a se tornar Tempo Integral em Umuarama abre matrículas

As vagas são para alunos que irão cursar o ensino fundamental ou médio durante o ano letivo de 2020

Postado em 07/11/2019 às 15:01 |

Colégio Hilda Kamal será exclusivamente de Educação em Tempo Integral (ETI) a partir de 2020 (Foto: Kauana Siqueira / Portal da Cidade Umuarama)

O governo estadual anunciou que a partir de 2020 quinze escolas da rede estadual do Paraná vão ser exclusivamente de Educação em Tempo Integral (ETI). Em Umuarama, passa oferecer exclusivamente esta modalidade de ensino o Colégio Estadual Professora Hilda Trautwein Kamal, com ensino fundamental e médio em tempo integral. Também pertencente ao Núcleo Regional de Educação de Umuarama, o Colégio Estadual Malba Tahan , no município de Altônia, já oferta o ensino médio em tempo integral, com resultados positivos para a comunidade.

Segundo o diretor Jeferson Trento, o ensino integral ainda é uma novidade e uma nova experiência para Umuarama, mas ele está otimista. "Estamos nos preparando para receber os alunos. A equipe pedagógica passará por capacitação e a estrutura física do colégio também receberá investimentos e mudanças", explica. 

Além de aumento no número de aulas, os alunos terão atividades como dança, teatro, pesquisa e, para isso, o quadro de funcionários também deve aumentar. "Serão quatro refeições por dia oferecidas na escola. É uma mudança também cultural, que já funciona em outros países e agora começa a ser colocada em prática em nossa realidade", diz o professor, com altas expectativas. 

As matrículas já estão abertas para alunos de toda a comunidade que irão cursar séries do ensino fundamental ou médio. A previsão é de que abram 14 turmas - duas para cada série. 

Mais informações sobre matrículas ou dúvidas sobre a modalidade de ensino, podem ser sanada diretamente na secretaria do colégio, que fica na Avenida Ipiranga, 4188 ou pelo telefone (44) 3622-1556.

Metas

A iniciativa vem ao encontro da meta do Estado de ter, até 2025, 60% das matrículas nessa modalidade. Em 13 escolas do Paraná, o tempo integral será ofertado tanto para turmas de ensino fundamental II quanto de ensino médio. As outras duas são somente de ensino médio. Com isso, a rede estadual de ensino terá 79 escolas com turmas de ETI no próximo ano letivo. 

A ETI tem como uma de suas premissas a Pedagogia da Presença, que propõe ao aluno assumir o papel de protagonista no processo de ensino e aprendizagem. Já o professor não deve atuar somente com foco na docência, mas também de modo a inspirar os estudantes na construção de um mundo melhor. 

Como Funciona

As escolas em tempo integral funcionarão em turno único. São nove aulas por dia, com uma hora de almoço e dois intervalos de 15 minutos, totalizando nove horas diárias de atividades e 45 horas semanais. 

Além das disciplinas do Referencial Curricular do Paraná, serão ofertadas matérias eletivas aos estudantes, que buscam desenvolver as competências previstas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) - conhecimento; pensamento científico, crítico e criativo; repertório cultural; comunicação; cultura digital; trabalho e projeto de vida; argumentação; autoconhecimento e autocuidado; empatia e cooperação; responsabilidade e cidadania.

A ideia é que as eletivas sejam modificadas a cada semestre e tenham abordagem interdisciplinar, desenvolvidas por diferentes professores. Ainda, será dada ênfase a práticas experimentais em laboratório para as disciplinas de Química, Física, Matemática e Biologia. 

Jovem como Protagonista

O protagonismo juvenil e o projeto de vida dos estudantes compõem o eixo central do modelo pedagógico das escolas com tempo integral. 

Nessas escolas, serão fomentados Clubes de Protagonismo, desenvolvidos pelos próprios estudantes para que eles possam explorar em conjunto seus interesses. “É importante que a escola esteja mais conectada com a realidade dos nossos alunos”, diz o secretário, Renato Feder.

Ainda, os professores serão incentivados a ocupar um espaço de mentoria, indicados pelos alunos com base na afinidade, para que possam ser sanadas dúvidas a respeito dos conteúdos trabalhados em sala. 

Confira aqui a lista de escolas que passam a ser exclusivamente de tempo integral em 2020.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas