Portal da Cidade Umuarama

EDUCAÇÃO

Centro de Apoio ao Surdo é inaugurado em Umuarama

O CAS capacitará professores e educadores para atendimento qualificado à 2.244 pessoas surdas

Postado em 14/12/2018 às 10:56 |

(Foto: Portal da Cidade Umuarama )

Estiveram presentes profissionais e representantes de órgãos estaduais de educação e de apoio ao surdo (Foto: Portal da Cidade Umuarama)

Inaugurou na tarde desta quinta-feira (13) em Umuarama o Centro de Apoio ao Surdo e aos Profissionais da Educação de Surdos (CAS). O CAS irá funcionar no Colégio Estadual Paulo Alberto Tomazinho, onde professores e profissionais da educação receberão capacitações e treinamentos especializados no atendimento ao surdo e ouvintes. 

Estiveram presentes na solenidade de inauguração a secretária estadual da Educação, Lucia Cortez e representantes do AEE Surdez no Departamento de Educação Especial, Tradutores Intérpretes das Instituições públicas estaduais e Núcleos Regionais da Educação- NRE de Campo Mourão, Cianorte, Goioerê, Loanda e Paranavaí.

Além de Umuarama, também receberam novos centros Francisco Beltrão, Cascavel e Apucarana.  Juntas, as unidades atenderão cerca de 14 mil pessoas e ampliam o atendimento a este público, que antes era feito apenas nos CAS de Curitiba e Guarapuava.

 “O legado que estamos deixando no que se refere à educação de surdos no Paraná é ímpar na história do Estado. Em 2010 havia apenas um centro, em Curitiba, para atender o Paraná inteiro. Em março desde ano o município de Guarapuava ganhou um CAS e agora inauguramos mais quatro centros. Isso demonstra o respeito do Governo do Estado com este público”, afirmou a secretária.


O CAS de Umuarama ficará responsável pelo atendimento dos NREs de Campo Mourão, Cianorte, Goioerê, Loanda, Paranavaí e Umuarama, com uma população de 2.244 pessoas surdas.

Os cursos são ofertados preferencialmente a profissionais da rede estadual, mas também estão disponíveis para professores de outras redes e comunidade escolar.

A equipe de cada CAS é composta por profissionais surdos e ouvintes da Secretaria da Educação, incluindo pedagogos, professores e tradutores e intérpretes de Libras.

Os Centros de Apoio ao Surdo e aos Profissionais da Educação de Surdos organizam suas atividades em cinco núcleos de atuação: Núcleo de Capacitação de Profissionais da Educação de Surdos; Núcleo de Atendimento Educacional Especializado; Núcleo de Apoio Didático-Pedagógico e Tecnológico; Núcleo de Pesquisa; Núcleo de Convivência.


 “Com os novos Centros, além de ampliarmos o atendimento no Estado, conseguimos descentralizar a capacitação de profissionais surdos e ouvintes, democratizando o acesso deste público aos programas que ofertamos”, explica Siana do Carmo de Oliveira Franco Bueno, chefe do Departamento de Educação Especial da Secretaria.


Fonte:

Deixe seu comentário