Portal da Cidade Umuarama

superação

"Cozinhar levou meu foco para longe da depressão”, conta confeiteira umuaramense

Chef Silvana Lima relata como o amor pela gastronomia deu forças para vencer um período difícil e conturbado marcado pela doença

Postado em 03/05/2019 às 19:00 |

Empreendedora, Silvana se diz realizada, trabalhando em casa e fazendo o que gosta (Foto: Arquivo Pessoal)

A confeiteira Silvana Lima encontrou na sua paixão por gastronomia um motivo para superar um momento complicado. Há mais de 14 anos empreendendo ao lado do marido, Damião Nacio, em restaurantes, pizzarias, e atualmente, hamburgueria, ela acabou desenvolvendo a Síndrome do Pânico - condição associada a crises de ansiedade aguda, marcadas por muito medo e desespero – devido a constante pressão que sofria e rotina exaustiva de trabalho. 

“Há oito meses decidi mudar totalmente o foco, me especializar e me dedicar apenas à confeitaria, que já era algo que eu gostava, tornando isso meu ganha-pão”, relatou Silvana. Apaixonada pela cozinha, ela conta que longe das panelas também não se sentia bem. “Foi um período muito difícil, achei que não iria conseguir voltar a trabalhar, e foi então que encontrei na confeitaria um recomeço”. Silvana decidiu se dedicar totalmente, fez cursos e se especializou, hoje já possui uma clientela fixa e receitas próprias. 


De acordo com ela, o fato de trabalhar em sua própria casa trouxe mais liberdade e segurança. “Foi preciso muita força de vontade e apoio da família, que me deu o suporte necessário”, lembra a confeiteira. 

Para quem está passando por situações difíceis como essa, ela aconselha encontrar forças em algo que goste. “É importantíssimo procurar tratamento médico e fazer acompanhamento, mas muito além disso, me apoiar e me ocupar com algo que sinto prazer em fazer foi imprescindível para minha recuperação”, revela. 

Em sua página no Facebook a chef publica diariamente os pratos elaborados por ela e pelo companheiro. É possível conhecer melhor o trabalho realizado por eles clicando aqui.

Fonte:

Deixe seu comentário