Portal da Cidade Umuarama

Giliard Antônio

Peão que morreu pisoteado por touro é enterrado sob forte comoção

Giliard Antônio, de 24 anos participava da 46ª edição da Expoingá quando foi pisoteado pelo animal de 1 tonelada

Postado em 15/05/2018 às 17:45 | Atualizado em 15/05/2018 às 17:53

No último domingo (13), Giliard participava da 46ª edição da Expoingá (Foto: Divulgação )

O corpo do peão Giliard Antônio, 24 anos, que morreu na noite do último domingo (13), após ser pisoteado por um touro na final do rodeio da PBR (Professional Bull Riders) Brasl, na Expoingá, em Maringá, foi enterrado sob forte comoção, no início da tarde desta terça-feira (15) no distrito de Juréia, em Monte Belo (MG). O corpo foi velado na Câmara de Vereadores da cidade.

O prefeito de Monte Belo, Valdevino de Souza, decretou luto oficial por três dias em todo o território do Município de Monte Belo (MG), em sinal de profundo pesar pelo falecimento do jovem Giliard Antonio de Oliveira. "Todas as repartições públicas municipais que tiverem as bandeiras nacional, estadual e municipal hasteadas, deverão, durante o prazo do decreto, reduzi-las a meio mastro", diz trecho do decreto que entrou em vigor na segunda-feira (14).

No último domingo (13), Giliard participava da 46ª edição da Expoingá. Na ocasião, o peão ficou com a mão presa no animal e acabou sendo pisoteado. No vídeo é possível ver que ele ainda conseguiu se levantar, mas logo em seguida caiu desacordado. Conforme laudo do IML (Instituto Médico-Legal), Giliard teve uma parada cardiorrespiratória devido a uma fratura na coluna. Segundo a organização da exposição, o touro pesava quase 1 tonelada.


Fonte: Folha Cidades

Deixe seu comentário