Portal da Cidade Umuarama

Capital de giro

Em tempo de restrições, empreendedor pode obter crédito emergencial

Os recursos podem ser utilizados para manutenção de emprego e renda de empreendedores informais, MEI, micro e pequenas empresas

Postado em 30/03/2020 às 19:18 |

Para obtenção, o empreendedor deverá estar com sua situação cadastral em dia (Foto: Divulgação)

O governo do Estado anunciou na sexta-feira (27) um conjunto de ações que somam R$ 1 bilhão para estimular a atividade econômica e preservar emprego e renda dos paranaenses.

O valor está distribuído entre linhas de crédito para o setor produtivo e pequenos empreendedores, dilação de prazos de financiamentos das prefeituras e de impostos para empresas, e contingenciamento de recursos do orçamento.

Os recursos do crédito emergencial podem ser utilizados para manutenção de emprego e renda de empreendedores informais, MEI, micro e pequenas empresas, em razão dos efeitos do corona vírus na economia.

“Esses recursos já estão disponíveis e chegam em boa hora, num momento de grande apreensão com o emprego e a renda entre a população, devido às medidas restritivas adotadas para contem a disseminação do coronavírus. Mas o dinheiro é emergencial e deve ser utilizado com bastante critério”, orientou o prefeito Celso Pozzobom.

Para auxiliar os MEI, micro e pequenos empresários, a Casa do Empreendedor retomará o atendimento a partir desta terça-feira, 31, de forma online e com agendamento.

Quem pode solicitar

Empreendedores informais com atividade produtiva antes de 31/12/2019 e que não possuem CNPJ podem solicitar até R$ 1.500,00; empreendedores formais com CNPJ há menos de 12 meses a contar de 16/03/2020, até R$ 3 mil; e empreendedores formais com CNPJ há mais de 12 meses a contar de 16/03/2020, até R$ 6 mil.

Créditos até R$ 6 mil tem dispensada a garantia e aval, são isentos de tarifas e a taxa de juros é a partir de 0,41% ao mês, com carência de 12 meses para o pagamento e quitação em até 24 meses – prazo total de 36 meses.

Exigências

Para acessar os recursos (até R$ 6 mil) a documentação necessária devem ser encaminhada em arquivos digitalizados. É necessário apresentar RG ou CNH do titular e sócios (quando houver); comprovante de endereço (se for pessoa física); dados da conta-corrente em seu nome; RG ou CNH de cônjuge / companheiro (se aplicável); selfie com documento em mãos (RG/CNH da pessoa física, titular e sócio quando houver) frente e verso; e para crédito pessoa física, anexar também declaração de que é empreendedor informal (modelo disponível no site da Fomento Paraná).

O empreendedor deverá estar com sua situação cadastral em dia em relação a certidões negativas e ao Cadastro de Inadimplentes do Estado do Paraná (Cadin).

Capital de giro

Para operações de capital de giro, as opções são as seguintes: Microcrédito Fácil – com taxa a partir de 0,91 ao mês, limite de até R$ 20 mil, carência 12 meses (prazo total de 48 meses para a quitação); Banco da Mulher – a partir de 0,68% ao mês e carência 12 meses (prazo total 60 meses); BNDES Automático – a partir de 0,68% ao mês e carência 12 meses (prazo total 60 meses); e Fomento Turismo – a partir de 0,70 ao mês e carência 12 meses (prazo total 48 meses).

Em Umuarama, a Casa do Empreendedor e a Noroeste Garantias de Crédito retomam o atendimento online e por telefone nesta terça-feira, 31/03. O horário de atendimento é das 8h às 14h e os contatos podem ser feito por telefone – (44) 98457-1349 e 3055 4023 – ou e-mail: casadoempreendedor@umuarama.pr.gov.br

As solicitações também poderão ser feitas online nos sites das instituições financeiras. Mais informações na rede de parceiros da Fomento Paraná ou diretamente no site http://www.fomento.pr.gov.br/. Acesse “Meu crédito”e “Solicitar crédito online”.

Fonte:

Deixe seu comentário