Portal da Cidade Umuarama

Na última semana

Chuvas causam estragos em bairros e na área central de Umuarama

Como a chuva deve continuar, a população deve ficar atenta e comunicar através do telefone 156 eventuais problemas que possam surgir

Postado em 25/01/2021 às 09:05

Embora não tenham ocorrido chuvas mais fortes, o aumento da precipitação tem causado alguns transtornos (Foto: Assessoria)

Janeiro tem sido um dos meses mais chuvosos dos últimos anos em Umuarama. Embora não tenham ocorrido chuvas mais fortes, concentradas em curto espaço de tempo, o aumento da precipitação – que é muito bom para as lavouras – tem causado alguns transtornos em bairros da cidade e até na região central.

Equipes de servidores da Secretaria Municipal de Obras, Planejamento Urbano, Projetos Técnicos e Habitação, junto com pessoal da Secretaria Municipal de Serviços Públicos, têm trabalhado diariamente em reparos no pavimento asfáltico, bocas de lobo, estradas e galerias danificadas pelas chuvas.

Na última semana foram necessários reparos na ponte da Rua Santo André, do Jardim São Cristóvão. Houve afundamento do aterro e acúmulo de água, em virtude do entupimento dos drenos. Nas imediações do antigo Poliesportivo, uma boca de lobo também foi danificada pelo excesso de umidade e causou afundamento em parte do pavimento, na Avenida Parigot de Souza, além de um novo bueiro na Avenida Olinda.

Houve pequenos estragos também nas ruas Jussara (distrito de Lovat), na Rua José Balan (Jardim Social), em pontos do Jardim Ipê, Rua Joana Pessutti Sgorlon (um buraco se abriu na frente de uma residência), Rua Jaçanã (outro buraco causado pela tubulação) e foram necessários reparos emergenciais na entrada do Jardim Aeroporto, na Rua Tupãssi (Lovat) e na Av. Paraná, em frente uma ótica.

“Realizamos reparos definitivos em alguns pontos e paliativos em outros, pois com o excesso de chuvas não é seguro movimentar a terra molhada. A Prefeitura está atenta aos problemas e resolvendo tudo na medida do possível. Como a chuva deve continuar, a população deve ficar atenta e comunicar através do telefone 156 eventuais problemas que possam surgir”, orientou o secretário de Obras, Isamu Oshima.

Fonte:

Receba as notícias de Umuarama no seu WhatsApp.
Clique aqui, é gratis!

Deixe seu comentário

Mais Lidas